sábado, 26 de janeiro de 2013

O conceito de uma sociedade sadvipra: sistema liderado por pessoas evoluídas espiritualmente.

 [SINAPSES]  O conceito de uma sociedade sadvipra pode ser visionário, mas não é utópico. Já existiram, na história humana, indivíduos que encarnaram o arquétipo do sadvipra.


SADVIPRAS

1- O conceito de pessoas sadvipras não é utópico?
O conceito de uma sociedade sadvipra pode ser visionário, mas não é utópico. Já existiram, na história humana, indivíduos que encarnaram o arquétipo do sadvipra. Mesmo que não tenham existido sadvipras em grande número, funcionando em conjunto como guias sociais, existiram sociedades que possuíram indivíduos com esse ideal. Alguns povos nativos americanos, por exemplo, foram liderados por sábios anciões, e a cultura tibetana floresceu por centenas de anos sob um sistema liderado por pessoas evoluídas espiritualmente.

2- Os sadvipras formarão uma elite que vai monopolizar o poder?
O papel dos sadvipras é fortalecer as outras pessoas e assegurar que essa força seja exercida de forma sábia e correta. Sentimentos elitistas não combinam com sua abordagem universalista, e a busca de status tenderia a anular sua aceitação popular.

3- Os sadvipras controlarão o poder político?
A sua influência no sistema político será, na maioria das vezes, indireta. Eles não administrarão o aparato governamental, mas se certificarão de que as pessoas com as qualificações adequadas ocupem as funções administrativas. Eles não legislarão, mas serão atuantes na formulação das diretrizes para a elaboração de leis e códigos. Posições do poder formais continuarão a ser ocupadas, na maior parte das vezes, por aqueles cujas opiniões refletirem o pensamento da classe dominante ou a psicologia coletiva predominante. Os sadvipras precisam se manter suficientemente afastados dos mecanismos formais de poder, para poderem catalisar as mudanças necessárias, na psicologia coletiva e na liderança de classes.

4-Os sadvipras são incorruptíveis e infalíveis?
Todos são passíveis de falha, e a corrupção é uma possibilidade sempre presente na vida humana. Por essa razão, é essencial que os sadvipras atuem de forma coletiva. Em qualquer mecanismo formal de constituição da autoridade, os sadvipras sempre funcionarão através de grupos e comitês. Esses corpos coletivos terão menor tendência a erros do que os agentes individuais.

5- Qual a base dos sadvipras para demonstrar poder e influência?
A autoridade dos sadvipras não será oriunda do poder militar, da máquina governamental ou de recursos financeiros. A base de sua influência será a aceitação popular. Sem a confiança do povo, eles não terão apoio. Seu papel deverá ser plenamente justificado aos olhos da sociedade.

6- Os sadvipras serão plenamente aceitos por toda a humanidade?
É natural que as pessoas reconheçam e aceitem aqueles que demonstram grandeza interior. Oshopis aceitavam os mais idosos, os tibetanos respeitavam os tulkus. Os indianos têm grande amor por Swami Vivekananda, Mahatma Ghandi e Subhash Chandra Bose. Os franceses respeitam Joana D'arc e os italianos reverenciam São Francisco de Assis. Os que amam a humanidade e trabalham por seu bem-estar serão, por sua vez, amados. Essas grandes personalidades são facilmente reconhecidas e respeitadas, mas a aceitação popular do papel social dos sadvipras virá gradualmente. As pessoas devem, a princípio, se convencer do valor prático dos sadvipras para a sociedade. Essa confiança ficará estabelecida através dos extensivos programas iniciados por sadvipras, para elevar e fortalecer o povo.

7- Os sadvipras pertencerão a alguma religião em particular ou serão filiados a alguma filosofia política?
Eles não terão nenhuma filiação sectária, mas aceitarão, através de sua realização interior, a validade das crenças espirituais perenes e os valores humanos cardeais. Seus programas políticos não seguirão nenhum dogma político, serão baseados em experiência prática. Será pouco provável que eles tenham alguma filiação partidária.

8- Os sadvipras formarão uma classe ou terão um status formal?
Sadvipra é um arquétipo, como já foi comentado. Mas, com o tempo, pode ser que haja a formalização de treinamento, qualificação e posição do sadvipra.

9- Somente os indivíduos com qualificações excepcionais serão capazes de se tornar sadvipras?
Certamente os sadvipras possuirão qualidades excepcionais de caráter. Mas todos os seres humanos são capazes — através do compromisso, esforço, técnica e sinceridade — de desenvolver suas mais elevadas faculdades humanas. Muitos poderão obter as qualidades de sadvipra. Quanto mais o fizerem, melhor será para a sociedade.

10- Como o arquétipo do sadvipra se compara com outros conceitos de liderança de personalidades extraordinárias?
Os heróis conceituados por Hegel não têm uma base moral. O príncipe de Maquiavel está basicamente envolvido com os expedientes do poder político. O soberano filósofo proposto por Platão é paternalista e autocrata. O super-homem idealizado por Nietzsche expressa sua vontade usando a sociedade como um instrumento para o aumento de seu poder. O administrador erudito de Confúcio está super-identificado com o poder estabelecido. Os rishis védicos guiaram brilhantemente a sociedade, mas historicamente tiveram conexões com os interesses de classe. O monarca ideal de Lao Tsé seria um sábio que seguiria o caminho e seria desapegado de ambições pessoais, mas seria menos dinâmico e menos socialmente envolvido do que um sadvipra. O bodhisattva do budismo e o tulku tibetano possuem a mesma natureza espiritual e dedicação à humanidade que os sadvipras, mas não exibem o mesmo espírito de luta no campo social.

Extraído de:  GUIA DE ESTUDO DE PROUT

APÊNDICE CCLASSES (VARNAS) E SADVIPRAS
(PERGUNTAS E RESPOSTAS)


--
Atenciosamente.
Claudio Estevam Próspero 
http://mitologiasdegaia.blogspot.com/ (Blog: Mitologias de Gaia)
http://criatividadeinovao.blogspot.com/ (Blog: Criatividade e Inovação)
http://redessociaisgovernanaliderana.blogspot.com/ (Blog:Governança e Liderança em Redes Sociais)
http://reflexeseconmicas.blogspot.com/ (Blog: Reflexões Econômicas)
http://poltica20-yeswikican.blogspot.com/ (Blog: Política 2.0 - Yes, WIKI CAN)
http://automacao-inteligencia-organizacional.blogspot.com.br/ (Blog: Automação e Inteligência Organizacional)
http://www.portalsbgc.org.br/sbgc/portal/ (Comunidade Gestão Conhecimento)

Nenhum comentário: