domingo, 29 de janeiro de 2012

Irresponsabilidade PRIVADA + Omissão ESTATAL= 3 prédios RJ / Mortes Enchentes Verão / Costa Concórdia / .... Os exemplos de desastres - por ações ou omissões - se avolumam


·         Você contrata um BOM Engenheiro para avaliar, projetar  e acompanhar obras estruturais em seu apartamento / casa / escritório?

·         Você está atento ao procedimento de acompanhamento pelo Sindico de seu prédio sobre laudos de BONS Engenheiros para obras realizadas nos apartamentos / escritórios de seus vizinhos de prédio?

Ou você / seu vizinho:
·         chamam aquele PEDREIRO  camarada, com muita prática;
·         pedem a assinatura formal de um “engenheiro responsável”;
·         usam outra “solução caseira”;

para não gastar os “olhos da cara” para fazer uma simples reforma? Por exemplo: tirar aquela parede que esta atrapalhando o bom uso do espaço.... (e que pode ser parte da sustentação da estrutura de seu edifício)

Estes “procedimentos simplificados”, mais ágeis (sem tanta “enrolação” dos profissionais que querem pensar no todo e não apenas em minha pequena obra (Pensamento Sistêmico = “tudo está interligado” e é afetado por intervenções nas partes [1]  )), “mais baratinhos”, geralmente estão na origem dos desastres como o ocorrido no desabamento dos 3 prédios do Rio de Janeiro:

[1] Evolução Teoria Sistemas = tratar relações e padrões.
Mais qualitativa que quantitativa, incorpora mudança na
ênfase característica do pensamento sistêmico –
objetos para relações,
da quantidade para qualidade,
da substância para  padrão.



Homem admite ter derrubado paredes em prédio que caiu
Pedreiro diz que pilares foram mantidos de pé, mas que não teve orientação de engenheiro depois do início das obras, há 4 semanas
27 de janeiro de 2012 | 10h 58

20 horas atrás ... 'Não tinha nenhum registro no Crea e isso é considerado exercício ilegal', diz o engenheiro civil Antonio Eulálio, em entrevista ao Bom Dia ...

Comandante do Corpo de Bombeiros diz que alguma estrutura importante do prédio foi danificada na obra que era realizada no edifício Liberdade, no Rio de ...



O exposto acima é o que chamo de IRRESPONSABILIDADE PRIVADA. O componente mais importante para o NÃO FUNCIONAMENTO de uma sociedade – seja ela seu prédio, seu escritório, sua cidade, estado ou país.

OMISSÃO PÚBLICA, nestes casos, está relacionada, principalmente, ao péssimo e protelatório funcionamento da JUSTIÇA para punir exemplarmente Profissionais Liberais (Classe Média (A/B)) e Empresas envolvidas em casos de IRRESPONSABILIDADE PRIVADA.   (Como comparação ver  os casos como o da desocupação do Pinheirinho (SJC), onde o dinheiro está do lado contrário ao dos “réus”.... A juíza estava presente para acompanhar a desocupação que ordenou (nos seus processos, os juízes se empenham tanto assim? Eu ainda não tive esta sorte....)).

 Pessoalmente acredito que não adianta mais burocracia para liberar obras (maiores exigências nos Códigos de Obras). Sou a favor da RESPONSABILIZAÇÃO EXEMPLAR (Accountability) de quem provoca danos aos seus concidadãos – seja por ação ou omissão.


Que tal, na próxima reunião de nossos condomínios avaliarmos a qualidade do processo de avaliação / fornecimento de laudos sobre reformas nas unidades em que você reside ou trabalha? Os eventos do Rio mostram que falhas / omissões nestes processos podem se tornar um  caso de vida ou morte / prejuízos para você e seus familiares...

Accountability

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Accountability é um termo da língua inglesa, sem tradução exata para o português,[1] que remete à obrigação de membros de um órgão administrativo ou representativo de prestar contas a instâncias controladoras ou a seus representados. Outro termo usado numa possível versão portuguesa é responsabilização.[2]

Accountability pode ser traduzida também para o português, deficientemente, por prestar contas. «Accountability» significa que quem desempenha funções de importância na sociedade deve regularmente explicar o que anda a fazer, como faz, por que faz, quanto gasta e o que vai fazer a seguir. Não se trata, portanto, apenas de prestar contas em termos quantitativos mas de auto-avaliar a obra feita, de dar a conhecer o que se conseguiu e de justificar aquilo em que se falhou. A obrigação de prestar contas, neste sentido amplo, é tanto maior quanto a função é pública, ou seja, quando se trata do desempenho de cargos pagos pelo dinheiro dos contribuintes.

Accountability é um conceito da esfera ética com significados variados. Freqüentemente é usado em circunstâncias que denotam responsabilidade social, imputabilidade, obrigações e prestação de contas. Na administração, a accountability é considerada um aspecto central da governança, tanto na esfera pública como na privada, como a controladoria ou contabilidade de custos.

Na prática, a accountability é a situação em que "A reporta a B quando A é obrigado a prestar contas a B de suas ações e decisões, passadas ou futuras, para justificá-las e, em caso de eventual má-conduta, receber punições."[3]

Em papéis de liderançaaccountability é a confirmação de recepção e suposição de responsabilidadepara ações, produtos, decisões, e políticas incluindo a administração, governo e implementação dentro do alcance do papel ou posição de emprego e incluir a obrigação de informarexplicar e ser respondíveis para resultar conseqüências positivas.

Planejamento[Expandir]

Índice

 [esconder

Para mensagem relacionada, ver:

SÁBADO, 8 DE JANEIRO DE 2011

CATASTROFES NADA NATURAIS: estamos na estação de "colheita" das imprevidências dos Governos e Sociedade (Exemplo: Incorporadores / Loteadores, Ocupantes de áreas de risco)

    dor das perdas humanas é irreparável e o custo, para a Sociedade, destas ações e omissões, é muito maior que os eventuais benefícios econômicos e políticos obtidos, no curto prazo, por alguns agentes governamentais e privados.

     A NÂO APLICAÇÂO dos Princípios da Governança e Precaução provocando tragédias humanas (mortes, feridos e desabrigados) e econômicas:



--
Atenciosamente.
Claudio Estevam Próspero 
http://mitologiasdegaia.blogspot.com/ (Blog: Mitologias de Gaia)
http://criatividadeinovao.blogspot.com/ (Blog: Criatividade e Inovação)
http://redessociaisgovernanaliderana.blogspot.com/ (Blog:Governança e Liderança em Redes Sociais)
http://reflexeseconmicas.blogspot.com/ (Blog: Reflexões Econômicas)
http://poltica20-yeswikican.blogspot.com/ (Blog: Política 2.0 - Yes, WIKI CAN)

Nenhum comentário: